user_mobilelogo

Noticias

Projetar um futuro financeiro organizado depende, muitas vezes, de onde e como investir. Analisar as variações do mercado para, então, decidir pela melhor escolha de investimento, como obter mais rentabilidade, diminuindo os riscos e, assim, aumentar o retorno potencial. Todos esses assuntos fizeram parte da palestra proferida pelo Diretor de Investimentos da PREVES, Gil Pimentel de Azeredo, realizada nesta terça-feira, dia 31 de julho. A apresentação “Resultado dos investimentos dos planos de benefícios”, teve o objetivo de esclarecer sobre como são aplicados os recursos dos planos PREVES SE (para servidores efetivos) e PREVES CDT (para servidores comissionados e em designação temporária).

Preparar gestores dos Regimes Próprios de Previdência Social (RPPS). Essa é a proposta da Associação Capixaba dos Institutos de Previdência (ACIP) que promove, durante esta semana, os cursos preparatórios CPA-10 e CPA-20 (Certificação Profissional ANBIMA), no auditório da Fundação de Previdência Complementar do Estado do Espírito Santo (PREVES). Participam do evento, profissionais de institutos de previdência de diversos municípios do Estado, além de colaboradores da PREVES. O curso, com início na terça-feira (24), segue até a próxima sexta-feira (27).

Em proposta de mudanças na previdência destinadas a  atingir a nova geração de trabalhadores e fundadas em um modelo híbrido, que combina benefícios não contributivos (universais) com contribuições (privadas) individuais, os professores Márcio Holland e Tomás Málaga,  da Fundação Getúlio Vargas (FGV-EESP) escrevem artigo no VALOR ECONÔMICO em que defendem que    correções futuras nos parâmetros possam ser realizadas por meio de lei ordinária.  

Atestar e promover mais conhecimento para profissionais que atuam no mercado financeiro. Esse é o objetivo dos cursos preparatórios CPA-10 e CPA-20 (Certificação Profissional ANBIMA) que será promovido pela Associação Capixaba dos Institutos de Previdência (ACIP), no período de 24 a 27 de julho. O curso será realizado no auditório da Fundação de Previdência Complementar do Estado do Espírito Santo (PREVES).

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apontam que em 2017 a população idosa superou a marca de 30 milhões e a estimativa é que em 2031, o número supere o de crianças e adolescentes de 0 a 14 anos. Diante do crescente número de idosos no País, especialistas em política fiscal e gestão previdenciária, alertam para um cenário preocupante: o déficit da previdência pública.

Como são investidos os recursos dos planos administrados pela PREVES? Quais os principais investimentos, os riscos envolvidos e a rentabilidade acumulada? Para esclarecer todas essas questões, a Fundação de Previdência Complementar do Estado do Espírito Santo (PREVES) apresenta a palestra “Resultado dos investimentos dos planos de benefícios”, no dia 31 de julho, às 8h30, no auditório da Fundação.